Câmeras da discórdia

O desligamento das 358 câmeras de monitoramento no Recife, Caruaru e Petrolina mais uma vez foi tema de discursos na tribuna da Assembleia Legislativa, ontem. O embate foi puxado por um deputado de um partido da base da governadora Raquel Lyra (PSDB), mas que vem agindo como oposicionista. Alberto Feitosa (PL) foi duro nas palavras, condenando a atitude do Governo de deixar a população à mercê dos bandidos. Propôs um contrato emergencial para manter as câmeras ligadas, até ser realizada a nova licitação, apontou incompetência, nesses 11 meses de gestão, e ainda questionou: “Em que mundo essa senhora vive?”. A deputada Gleide Ângelo (PSB) aproveitou o embalo para também cobrar uma iniciativa do Estado. Coube ao deputado Antônio Moraes (PP) falar em defesa de Raquel e tentar descredenciar Alberto Feitosa, que já não se encontrava mais no plenário. O parlamentar lembrou que o encerramento do contrato com a OI ocorreu por determinação do Tribunal de Contas do Estado, em virtude das dificuldades financeiras da empresa, além do que os equipamentos, instalados em 2012, estavam obsoletos. E que o Governo não pode fazer uma dispensa de licitação, quando envolve um valor vultuoso para instalar duas mil câmeras, como está previsto. “As pessoas precisam entender o que é verdade e o que é mentira”, encerrou Antônio Moraes.

Parcerias com a Alemanha

A ministra da Ciência e Tecnologia, Luciana Santos, acompanhou o presidente Lula na viagem à Alemanha, para tratar de acordos bilaterais nas áreas de pesquisa e inovação para bioeconomia, clima, energias renováveis e espacial. Também tratou de parceria para a implantação de um laboratório de máxima segurança tecnológica. Luciana diz que Lula tem buscado resgatar o protagonismo do Brasil, inclusive, através da cooperação científica.

Orçamento em plenário

Os deputados devem aprovar hoje o orçamento de Pernambuco para 2024, mesmo sabendo que a governadora Raquel Lyra (PSDB) é contra a emenda de R$ 1,1 bilhão. Ela acredita que a União não vai repassar todo esse dinheiro através do Fundo de Participação dos Estados.

Operação fica Raquel

O presidente do PSDB, Marconi Perillo, disse ao Correio Braziliense que, se necessário, virá ao Recife para conversar com a governadora Raquel Lyra sobre as especulações da saída dela do partido. Ele não vê problema na boa relação de Raquel com o Governo Lula.

Lançamento de Gilson

Amanhã tem lançamento do ex-ministro Gilson Machado para prefeito do Recife, em Brasília, com as presenças das principais lideranças do PL, entre as quais o ex-presidente Jair Bolsonaro, o dirigente nacional Valdemar Costa Neto e do presidente em Pernambuco, Anderson Ferreira. O deputado estadual Renato Antunes, que já se colocou como opção do PL para a disputa municipal, irá prestigiar o ato.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade