Obra da Escola de Sargentos será debatida em Caruaru, nesta sexta

Foto: Divulgação


A implantação da Escola de Sargentos das Armas (ESA) está para acontecer no município de Abreu e Lima, na Região Metropolitana, mas seus defensores garantem que os impactos positivos abrangerá todo o estado de Pernambuco. É focando nisso, que a Frente Parlamentar da Assembleia Legislativa estará, nesta sexta-feira (01) em Caruaru, para apresentar as vantagens e buscar aliados para o empreendimento.

O encontro está marcado para 12h, na sede da ACIC, sob comando do coordenador da Frente Parlamentar, deputado estadual Renato Antunes (PL). Ele ressalta que se trata de um investimento de R$ 1,8 bilhão, sendo uma das maiores obras estruturais que Pernambuco terá nas próximas décadas. Apesar disso, há grupos, principalmente ambientalistas, que alertam sobre os riscos que a ESA causará no meio ambiente da região da RMR e Mata Norte.

“Essa é uma obra que não vai apenas impactar os municípios da Região Metropolitana, ou as cidades mais próximas. Igualo a instalação da Escola de Sargentos a Suape. É algo que impacta na vida do pernambucano, do litoral ao sertão. Não aceitaremos que este importante equipamento não fique em nosso Estado. O Agreste será uma das regiões que serão beneficiadas diretamente com essa obra. E temos a missão de compartilhar, em todas as regiões pernambucanas, o impacto deste importante empreendimento”, comentou Renato Antunes. 

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade