Ministra da Mulher inaugura Centro de Capacitação em Caruaru

Foto: Divulgação

O município de Caruaru ganhou, neste sábado (24), o Centro de Qualificação da Mulher, que vai oferecer cursos para mil mulheres em situação de vulnerabilidade social e/ou em situação de violência doméstica e familiar. A entrega foi feita pela ministra da Mulher, Cida Gonçalves, junto com o prefeito Rodrigo Pinheiro (PSDB) e a secretária estadual da Mulher, Mariana Melo.

O novo espaço conta com três andares, sala de amamentação, banheiro com fraldário e sala de recreação/brinquedoteca para crianças, com monitora profissional, para uso enquanto as mulheres estão fazendo os cursos, de modo a diminuir as barreiras sociais que elas enfrentam para se qualificar e garantir autonomia econômica.

“Este centro irá transformar a vida das mulheres de Caruaru ao oferecer formação, possibilidades de profissões e, consequentemente, a autonomia econômica, o empoderamento. Não há vida digna para as mulheres sem igualdade de direitos e oportunidades, então precisamos construir este caminho com espaços como esses, e em uma cidade estratégica em Pernambuco como Caruaru, um polo de desenvolvimento e referência para outros municípios”, afirmou a ministra.

As capacitações oferecidas rompem com a divisão sexual do trabalho, inserindo as mulheres em um novo contexto socioeconômico, como cursos de mecânica automotiva com foco em motocicletas, e de música que destacam a cultura local (zabumba, triângulo e sanfona).

A implantação do centro é fruto de um convênio firmado em 2021 com a Prefeitura de Caruaru/PE, com emenda do deputado federal Túlio Gadelha (Rede), no valor de R$ 1 milhão. O recurso está sendo executado pela Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres da cidade de Caruaru. O convênio prevê kits de alimentação, de ferramentas (entregue no final da qualificação para que elas possam empreender) e acompanhamento das mulheres qualificadas na inserção profissional e no mercado de trabalho.

Os cursos de qualificação às mulheres já vinham sendo ofertados pela Prefeitura de Caruaru desde 2019, porém, espalhados por locais como salas nos centros de referência de assistência social, em centros de qualificação não exclusivos para mulheres e nas creches públicas. Somente no ano passado, 1.004 mulheres foram qualificadas.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade