Impasse na Psol/Rede

A federação Psol/Rede estabeleceu que essa segunda-feira seria o prazo para definir quem disputará a Prefeitura do Recife. A deputada estadual Dani Portela (Psol) e o federal Túlio Gadelha (Rede) estão na disputa, mas só na reunião que está marcada é que saberão o rumo da federação. Fica a expectativa se a decisão será tomada mesmo na segunda ou será adiada para se chegar a um consenso. Túlio Gadelha argumenta que não cabe à direção municipal bater o martelo, pois candidaturas em municípios com mais de 200 mil habitantes teriam de ser avaliadas pelo comando nacional. Dani Portela discorda do concorrente. De acordo com a deputada, esse critério populacional é para definir alianças partidárias e não para escolher quem vai encabeçar a chapa majoritária. Caso não haja consenso no município, o caso segue para instâncias superiores. A questão da federação Psol/Rede vive um impasse no Recife porque Dani é líder da oposição na Assembleia Legislativa, enquanto Túlio é bem próximo à governadora Raquel Lyra (PSDB). Ele já recebeu apoio do PDT nacional e da ala pedetista que integra o Governo do Estado. Já Dani é vista como futura candidata que seguiria uma linha auxiliar do prefeito João Campos (PSB). Mas num dos vídeos publicados nas redes sociais, a deputada diz que há 20 anos o Psol faz oposição ao PSB. Diante desse cenário, fica difícil acreditar que haverá unidade na federação Psol/Rede, durante a campanha.

Emendas são remendos

Ex-prefeito de Afogados da Ingazeira e ex-presidente da Amupe, o deputado José Patriota (PSB) defende políticas públicas permanentes para que os municípios não dependam tanto de emendas parlamentares. “Se o município não tem um deputado forte, não consegue recursos. Emenda é um remendo. Falta dinheiro para políticas públicas e sobra para emendas sem critérios”, diz

Congresso da Amupe

A Amupe promove, de segunda a quarta-feira, o 7º Congresso Pernambucano dos Municípios, no Centro de Convenções. Entre os temas a serem debatidos pelos prefeitos estão a nova Lei do ICMS e os repasses do FPM. Também haverá debate sobre eleição.

Mães de Pernambuco

As inscrições para o Programa Mães de Pernambuco encerram dia 25 e já são cerca de 60 mil mulheres interessadas. Meta do Governo Estadual é pagar R$ 300 por mês a 100 mil mães. Todas as inscrições serão avaliadas para ver quais se enquadram nos critérios.

Visita à Escola de Sargentos

Nessa segunda-feira, uma grande comitiva visitará a área onde será construída a Escola de Sargentos do Exército. Coordenador da bancada federal, o deputado Augusto Coutinho (Republicanos), disse que o objetivo é que todos os envolvidos nesse projeto conheçam o local. O ministro da Defesa, José Múcio, e a governadora Raquel Lyra (PSDB) irão.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade