Programa Mãe Coruja completa 10 anos e vai virar lei no Recife

Foto: Edson Holanda/ Prefeitura do Recife

O Teatro do Parque ficou lotado, nesta segunda-feira (15), na comemoração dos 10 anos do Programa Mãe Coruja no Recife. O evento contou com a presença do prefeito João Campos (PSB), que ressaltou a importância desse serviço. Ele se comprometeu a transformar o Programa Mãe Coruja Recife em Lei Municipal O projeto será enviado à Câmara de Vereadores até o final do mês.

“Independente de qual prefeito ou prefeita venha a governar a nossa cidade, ninguém tem o direito de acabar com algo que faz bem ao futuro da nossa cidade”, disse Campos. “O ato de governar é o de cuidar de quem precisa. Todo governante tem que querer para uma criança o que ele quer para um filho seu e querer para uma mulher o que ele quer para a sua mãe”, salientou.

Foram prestadas homenagens a Eduardo Campos, Renata Campos, Geraldo Júlio e Cristina Mello, figuras importantes na trajetória do programa. Além disso, houve uma retrospectiva de conquistas e resultados alcançados. Foram detalhados, ainda, novos projetos para 2024, incluindo avanços tecnológicos e expansão territorial, beneficiando mais famílias.

Atualmente, o PMCR acompanha cerca de 19 mil famílias, em 20 espaços espalhados pelo município, fazendo a cobertura de 47 bairros – o equivalente a 50% do território recifense. A iniciativa nasceu como uma importante estratégia de atenção a fim de reduzir a mortalidade materna e infantil, tendo como valores o direito à vida, atenção à saúde qualificada e humanizada, equidade, Intersetorialidade e tomada de decisão com base em evidências.

Para participar do PMCR, basta ter iniciado as consultas de pré-natal no SUS, morar em um dos bairros cobertos pelo programa e procurar um dos espaços da sua área para realizar o cadastro. As gestantes são incentivadas a participar de todos os cuidados que uma gravidez exige. Para as mulheres que completarem sete ou mais consultas de pré-natal no SUS, o Mãe Coruja oferece o kit bebê, que consiste em 14 itens de higiene e enxoval. O Mãe Coruja Recife já foi reconhecido pela Unicef, Fundo Internacional de Emergência das Nações Unidas para a Infância, como exemplo de boas práticas de políticas públicas e atenção à primeira infância.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Publicidade