Procurador Ricardo Alexandre assume MPC e sai em defesa da democracia

O procurador Ricardo Alexandre tomou posse, nesta segunda-feira (15), no cargo de procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC). No seu discurso, ele falou do papel do MPC para o equilíbrio de forças dos poderes como forma de proteger o sistema democrático. Segundo ele, há uma perda de noção na sociedade e é necessário que a política volte a ter debate de ideias.

“Estamos numa verdadeira crise institucional. Cresci no regime democrático e nunca imaginei ouvir alguém dizer que prefere a ditadura para defender a liberdade. É necessário que haja um poder autônomo para conter os abusos de outro”, ressaltou o procurador-geral.

Ricardo Alexandre questionou se a atual harmonia de poderes é suficiente para proteger a democracia. “A democracia passa pela tolerância mútua, que o lado que perde deixe o outro governar. Hoje estamos perdendo a noção e um lado quer

convencer o outro de que está errado”, alertou.

Agora à frente do MPC, Ricardo Alexandre disse que vai imprimir uma linguagem simples e direta para que a população compreenda as decisões. E vai criar a MPC TV para ampliar o canal de comunicação. “Vou fazer vídeos para vulgarizar os temas”,  adiantou. Outra iniciativa será setorizar os procuradores em assuntos como educação e saúde.

A posse de Ricardo Alexandre contou com a presença do presidente do Tribunal de Contas do Estado, Valdecir Pascoal, conselheiros, do prefeito do Recife, João Campos e representantes de outros poderes. O secretário da Casa Civil, Túlio Vilaça, representou a governadora Raquel Lyra.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Publicidade