Candidatos de oposição lideram disputa em Camaragibe

Foto: Reprodução/Instagram

Do Diario de Pernambuco

Empossada em 2019, com a cassação de Demóstenes Meira, e reeleita no ano seguinte, Nadegi chega ao final de seu mandato com elevados percentuais de reprovação, com 72% dos cidadãos avaliando sua administração como ruim ou péssima, de acordo com pesquisa da Exatta. 

Ainda de acordo com o levantamento, apenas 11,4% dos pesquisados conceituam o mandato de Nadegi como bom ou ótimo. 

Quando convidados a apontar “qual o melhor serviço oferecido atualmente pela prefeitura”, metade (49,7%) dos entrevistados respondeu “nenhum”. 

A mais de cinco meses das eleições de 2024, os participantes da pesquisa responderam, ainda, espontaneamente em quem votariam caso a escolha precisasse ser feita hoje. Nas três primeiras posições, aparecem Jorge Alexandre (PODEMOS), com 12,9%, Bosco Silva (PSD), com 3,4%, e Ednaldo Moura Júnior (PSB), com 3,1%. 

Já na parte estimulada, quando os entrevistados respondem um questionário no qual aparecem os nomes de todos os pré-candidatos, Jorge Alexandre lidera com 30,3%, seguido por Bosco Silva (11,4%), Diego Cabral (6,0%), Renê Cabral (5,7%), Ednaldo Moura Junior (5,1%), Paulo André (4,0%), coronel Meira (2,4%) e Luiz Rocha (2%).

Avaliação estadual e nacional

No âmbito estadual, a governadora Raquel Lyra aparece na pesquisa com 71,4% de reprovação contra 28,6% de aprovação. Já o presidente Lula é aprovado por 57,1% e rejeitado por 28,4%, enquanto 14,5% não souberam ou não quiseram avaliar.

Para o levantamento, cujo registro no TSE é PE-05126/2024, foram realizadas 350 entrevistas no município de Camaragibe, entre os dias 13 e 16 de abril de 2024. 

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade