Ano recomeçou

É comum se dizer que o ano só começa depois do Carnaval, mas, como vimos desde janeiro, muitos fatos já movimentaram o cenário político de Pernambuco e do Brasil. As campanhas para as prefeituras estão a todo vapor, faltando quase oito meses para o primeiro turno. E, nacionalmente, o clima que terminou acirrado em 2023 segue a mesma tendência em 2024. Acuado ao ver amigos sendo presos, e ele próprio investigado pela Polícia Federal por participar de um plano de golpe militar, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) quer colocar novamente seu “exército” nas ruas para sair em sua defesa. Para isso, programou um ato no dia 25 deste mês, na Avenida Paulista, em São Paulo. Quer enchê-la de verde e amarelo a fim de mostrar que ainda tem poder de fogo. Só lembrando que, quando houve as invasões aos três poderes, no dia 8 de janeiro de 2023, Bolsonaro estava nos Estados Unidos e não tinha ninguém à frente daquele grupo. Resultado, um bocado de gente foi presa e está sendo condenada. E só agora quem agiu nos bastidores está sendo enquadrado, após o tenente-coronel Mauro Cid abrir o bico através da delação premiada. O ex-presidente, dessa vez, promete estar à frente dos seus seguidores. Já disse, contudo, que não se deve defender o termo “bolsonarismo”, mas o protagonismo da direita no País. É torcer para que o manifesto ocorra de forma ordeira. São Paulo foi escolhida por ainda ser um dos redutos de boa parte dos seguidores de Bolsonaro.

Comemorando o prêmio

O prefeito João Campos (PSB) está nos Estados Unidos, onde receberá o prêmio da ONU para o Compaz, mas tem outros que também estão comemorando o feito. Raul Henry (MDB), que incluiu no seu programa de governo na eleição de 2012 e teve o projeto adotado pela gestão de Geraldo Julio (PSB). E o secretário de Segurança Cidadã do Recife, Murilo Cavalcanti, que idealizou.

Esticada parlamentar

O ano dos parlamentares recomeçará na próxima semana. Até lá, deputados, senadores e vereadores aproveitam para dar uma esticada no descanso e visitas às bases. No Senado, tem previsão de discursos na segunda-feira. Já a Câmara Federal só tem agenda na quarta-feira.

Haja fôlego!

Os prefeitos do Recife, João Campos (PSB), e de Jaboatão, Mano Medeiros (PL), mostraram nesse Carnaval que têm muito fôlego. Como são cidades grandes e a folia foi descentralizada, os dois rodaram muito, prestigiando os eventos oficiais e os blocos de rua.

Fato lamentável

Um turista carioca foi vítima fatal durante assalto em Boa Viagem, onde não tinha folia. A governadora Raquel Lyra diz que a Polícia está buscando o criminoso. Em focos de Carnaval de Olinda, dois assaltantes foram abatidos por um militar e outro homem foi executado. Raquel garante que a violência em Pernambuco foi menor no Carnaval deste ano.

Você pode gostar:

Sem comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Destaques

Publicidade

Posts Populares

Publicidade